Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A Gente Se Vê

por Fernando Zocca, em 30.01.12

 

 

      Você já reparou como é fofinho esse vosso monitornews.blog? Entretanto há quem diga ser ele barrigudo, mal ajeitado, caipira e que teria calcanhares rachados.

       E tem também, aquelas línguas pretas, insistentes em afirmar que ele apoiaria os maledicentes, aquelas pessoas que vivem a fofocar na vizinhança, denegrindo a pessoa alheia.

       Não é nada disso. Apesar de não ser muito versado em política, em televisão, cinema, literatura e artes, esse vosso companheiro, de todos os dias, faz questão de que seja visto e apreciado.

       Não precisa dizer nada. Nem mesmo um bom dia ou aquele oi. Basta que ele saiba que você o está vendo e pronto. Isso é o suficiente para deixá-lo satisfeito.

       E saiba que o danadinho faz muito barulho. Ele não é nada fácil. Esse vosso transmissor chegou primeiro aqui no trecho e por isso deseja ser reverenciado.

       Acusado de falar asneiras, de ter o palavreado fácil, vazio e inútil, ele tem a sua função. E qual seria ela se não fosse a distração, o entretenimento da garotada, não é mesmo?

       Longe de ser ele um analfabeto. Pode até ter o vocabulário limitado, repetitivo, preguiçoso, mas não é burro.

       Quando à barriga abaulada e os calcanhares rachados, ele promete que fará exercícios para reduzir a primeira e manter lixados os segundos.   

       Bom dia!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:50

Pedalando para manter a saúde

por Fernando Zocca, em 17.01.10

 

            Obesidade, culote, estrias? Se você meu amigo, minha amiga e senhoras donas de casa, afligem-se com esses problemas, saibam que eles agora têm uma solução. É claro que tudo depende do esforço que se deve fazer para manter a boa forma.
            Se o leitor é daqueles para os quais as atividades físicas não são desconfortáveis, a idéia de que a prática do ciclismo pode mesmo resolver os seus problemas, é bastante válida.
            Uma hora pedalando, em locais aprazíveis, representa a queima de calorias tão significativa que, em poucos meses praticando essa atividade, você notará a diferença no seu corpo.
            A gordura acumulada nas coxas e nos glúteos, pode muito bem transformar-se em massa muscular. Isso reduz a possibilidade de mais acréscimos adiposos na cintura e no ventre.
            A boa forma depende mesmo, não resta a menor dúvida, da atividade física regular. O sedentarismo traz problemas sérios como o diabetes, a hipertensão, os cardíacos e até emocionais.
            Portanto, se o meu nobre leitor mora no interior ou no litoral, é bom aproveitar aquelas horas de folga para, fazendo um pouquinho de esforço, manter a forma e a saúde, pedalando a bike preferida. O capacete é indispensável.
            Sozinho ou acompanhado, em uma ou duas horas, três vezes por semana, a prática do ciclismo seria benéfico. Eu particularmente, tenho experiência nisso. Dos noventa quilos que cheguei a pesar, em seis meses de pedaladas diárias, de três a quatro horas, reduzí o peso a sessenta e cinco quilos.
            Os amigos ficaram admirados. Os adversários cochichavam os boatos de que eu estava doente. Na verdade o bem estar que a tal prática produz é inenarrável. O certo é que todas as demais funções fisiológicas do corpo ocorrem com mais facilidade.
            Sempre é bom consultar o especialista em saúde. Mas se você estiver mesmo muito acima do peso, saiba que a prática direta do esforço físico, que representa o pedalar, pode ser-lhe prejudicial.
            Isso se a sua bicicleta não for motorizada. Se ela tiver um motor como esse modelo do vídeo, o esforço está reduzido.
            Com ou sem motor, se elétrico ou a gasolina, o importante mesmo é exercer a atividade física que envolva todos os músculos do corpo. O caminhar também é muito bom. O importante é caminhar pelas calçadas livres das ervas daninhas e buracos que podem provocar luxação nos tornozelos.
  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:25


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D