Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Confiando no Taco

por Fernando Zocca, em 24.07.12

 

Você acredita em político? Os caras passam os mandatos inteiros ferrando-te, e quando chega o tempo da renovação do "contrato de trabalho", se aproximam prometendo o mundo e os fundos.


Para mim, se dependesse da minha vontade, eles não teriam direito a mais do que um salário mínimo mensal e, se precisassem de tratamento médico, poderiam contar com o SUS.


Eles são insensíveis, pensam só nos interesses próprios e se puderem destruir, literalmente, a quem a eles que, com  ideias, se opõem, não titubeiam.


Os caras buscam o poder público visando a "salvação" própria e a dos seus familiares. E quando os interesses da família se contrapõem aos do público, sem dúvida nenhuma se definem pelo ego.


Eles sabem tudo da sua vida, das contas que você tem pra pagar, o quando você ganha por mês, quem são os seus parentes, as suas propriedades, os remédios que você toma ou tomou, da história sua e a dos seus familiares.


Aliás, os caras contam pra você, a sua própria história, como se fosse a deles.


Criando dificuldades, na maior parte dos mandatos, surgem agora com as caras de pidões, na época da renovação do direito às tretas, prometendo a solução de toda a problemática.


Não contem comigo. Não contem com o meu voto. Se em quatro ou cinco gestões, deixaram de resolver os conflitos, por não lhes ser da alçada, não será agora que terão a minha confiança.


São 16, 20 anos que usufruem de todos os benefícios proporcionados pelos privilégios negados aos demais cidadãos.


Não tenho interesse nenhum em deixar de falar o que sempre falei, muito menos de parar de publicar o que venho publicando.


Não será pelo que digo ou deixo de dizer, que as tretas e mumunhas serão extintas. De forma nenhuma. A população sabe o que quer. Se o nobre edil "confia no seu taco" não tem porque calar este ou aquele discordante.


Se tiver de ser reconduzido à sua cadeira no legislativo ele o será independente de esta ou aquela pessoa falar ou escrever qualquer coisa sobre ele.


Afinal, meu amigo leitor, haveria algo mais veemente que diga quem é o cidadão, que agora lhe pede votos, do que tudo o que ele fez até agora?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:27


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D