Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Carro Voador

por Fernando Zocca, em 01.07.10

                       A gente é boba mesmo. Nós ficamos com esse nhenhenhém tolo, enquanto as coisas acontecem no mundo lá fora.

 

                        Apesar do nosso pessimismo, da nossa incredulidade nas coisas, elas se realizam e nós nos recusamos a ver.

 

                        Nós sabemos que conversa fiada, ao longo das horas, não “dá camisa” pra ninguém. O que resolve a situação é fazer algo de bom, que seja útil pra alguém, ou no mínimo, pra nós mesmos.

 

                        Imagine passar horas e horas falando abobrinhas, enquanto as pessoas lá fora trabalham, ganham dinheiro, compram as coisas e vivem felizes.

 

                        Quando eu era moleque, na década de 1960, meu primo Roque De Lello assinava uma revista que se chamava Mecânica Popular. Era escrita em castelhano, mas tinha também muitas fotografias.

 

                        Numa tarde, ao folhear um daqueles exemplares, vi uma reportagem que falava sobre um sujeito  inventor do carro voador.

 

                         O texto era bastante longo, eu não podia compreendê-lo completamente, mas acreditei que um carro poderia voar.

 

                        Muita gente dizia ser loucura, que o sujeito não tinha o que fazer e desciam a guasca nele, mandando-o ao rol dos desacreditados.

  

                 Como assim? Um carro pode voar? – perguntava a molecada a quem eu contava as novidades.

 

                Ninguém cria e, além disso, zombavam até de quem falava sobre o assunto.

 

                É, meu amigo, o tempo passa e só fica pra trás os que muito falam e pouco fazem. O carro voador, hoje é uma realidade inegável.

 

                Enquanto isso a turma bobinha continua falando abobrinhas.

 

                Veja ai em baixo o vídeo do carro voador.

 

 

 

 

Minicarro inglês

 

Compacto do criador do McLaren F1 pode vir ao Brasil

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:13



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D