Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Os Furtados

por Fernando Zocca, em 21.01.13


 





A deficiência intelectual não é só um sério limitante do bem-estar dos seus portadores, mas também dos que lhes estão no entorno.


A base genética, mais os hábitos familiares nocivos, tornam os indivíduos refratários à alfabetização, mantendo-os num estágio tão primitivo, ou até mais degradado, do que o dos símios.


E é claro: quem se aproveita disso são os mais espertos, geralmente aqueles políticos agarrados aos ubres públicos por gestões e gestões infindáveis.


Há quem entenda que o exercício do papel de vereador seja uma profissão.


E o que mais faria uma pessoa pensar assim, além do fato de estar lá na câmara há tanto tempo?


Não seria o prazo de validade tão alongado, do tal mandato, que a faria confundir a função legislativa com a relação de emprego numa empresa qualquer?


Mas engana-se muito aquele que acha ser o tal sortudo, ocupante da sinecura, um solitário.


Na verdade os seus apoiadores são tantos que se não houver a prática do desvio do dinheiro público, a satisfação financeira do tal "eleitorado" se frustrará.


Perceba que, com a base apoiadora insatisfeita, até mesmo o cargo do esperto estará ameaçado.


E nesta politicazinha suja do interior vale tudo: desde a sedução até a ameaça de lançar contra os furtados, as religiões, os fiéis e suas crenças.


Mais vale, para o político incompetente, a manutenção da ignorância, da deficiência dos transportes públicos, da saúde, e da insegurança na cidade, do que resolver isso tudo e deixar de revolver a argamassa.


Mas, creia, a deterioração da educação, dos transportes, da saúde e da segurança, existe mais por incapacidade, incompetência e mediocridade dos atuais ocupantes dos cargos eletivos do que por outro motivo qualquer.


Isto é inegável.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:16


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D