Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Tratamento para Quem Precisa

por Fernando Zocca, em 13.03.12

 

 

 

                E mais uma vez fracassam as tentativas de promoção dos engodos, realizadas pelos ilustríssimos senhores professores doutores que laboram sobre premissas falsas. Já seriam 924?

       O conceito de loucura mudou muito, meu nobre. As baterias psiquiátricas devem voltar-se para os que assassinam, agridem, furtam, roubam e causam sofrimento ao próximo. E não para a pobre ovelha que escoiceia defendendo-se.

       E se ela, pobrezinha, já não sente dores de cabeça, por que haveria de procurar os analgésicos? Será que deveria submeter-se aos caprichos alheios, para garantir a “coerência” das premissas sobre as quais laboram os ilustres senhores professores e doutores?

       Mas, ora veja!

       Cadê o tratamento corretivo para os que lesam os cofres públicos? Cadê a sanificação do homem que, ao exercer um cargo público, retira o que não lhe pertence, deixando os verdadeiros destinatários das riquezas na miséria?

       O poder alicerçado nesses conceitos dúbios, defendidos por gente sedenta de controle, de manipulação, chega agora ao fim. Com a graça de Deus.

       Você tem ideia, a mínima que seja, de quantas injustiças foram cometidas por atitudes fundadas nessas concepções errôneas?

        Você tem o menor conhecimento de quantas oportunidades foram perdidas, ao longo do tempo, por causa da loucura desses senhores professores doutores, que às ocultas, pelas costas, espalhavam o preconceito, o medo, a rejeição?

       Não meu amigo, você não tem a noção do que fez. Você não pode imaginar o transtorno que causou. Não caberia na cabeça mesquinha o tamanho dos prejuízos materiais que essas teorias trouxeram.

       Se fosse comigo, eu fechava a arapuca e abriria uma quitanda.

       

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:09

A Sorte Está Lançada

por Fernando Zocca, em 06.03.12

 

A estudante de psicologia Renata (direita), participante do BBB 12 e uma amiga. Foto: site do programa

 

 

 

                 Meus amigos, minhas amigas e senhoras donas de casa: hoje tem eliminação no BBB 12. Vai ter muita choradeira e ranger dos dentes só antes observáveis no purgatório.

       Segundo as pesquisas, de uma revista destacada, a estudante de psicologia Renata tem mais votos pedindo sua saída. Já o representante comercial autônomo, duas vezes emparedado João Carvalho, está tranquilo e até o presente momento conta com a simpatia do público, para permanecer mais uma temporada na casa.

       Na casa mais bisbilhotada desse nosso Brasil as atrações e repulsões são notáveis. Veja que ocorrem adaptações segundo as premências do momento.

       Monique e Jonas ficaram sob o edredom e não poderia ter havido, naqueles instantes, nada que não fosse satisfatório para ambos.

       Renata também não teria receios ou freios morais exagerados que a pudessem impedir de fazer o que a deixasse bem.

       A gata loura, de olhos azuis, já foi pra debaixo do edredom com Ronaldo, Rafa e Jonas.   

        Do outro lado, João Carvalho que durante esse período em que esteve confinado, só conseguiu parar de fumar e aprendeu a gostar de praticar exercícios, não demonstrou muita facilidade na condução do seu erotismo.

       O destino dos brothers está nas mãos do público. Os dois emparedados são mineiros. Renatinha foi emparedada duas vezes; uma vez tornou-se líder e foi anjo uma única vez.

       João foi emparedado duas vezes tornando-se líder uma vez.

       A sorte está lançada.

 

 

 

João Carvalho participante do BBB 12. Foto: site do programa

   

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:57

Salário Modesto

por Fernando Zocca, em 05.03.12

 

 

                 Van Grogue não era calçada portuguesa, aquela obra de arte feita para ser pisada, mas a população de Tupinambicas das Linhas cria que para ser feliz deveria melindrá-lo sempre.

        Essa mania, de calcar o bêbado, nascera com a vovó Bim Latem a chefe de gabinete do prefeito Jarbas, o caquético testudo, espalhando-se ao longo do tempo e pela cidade toda.

        Eu já lhes contei inúmeras passagens sobre a tal vovô Bim Latem. Ela era fã de Herivelto Martins e Dalva de Oliveira; quando entrou para o funcionalismo público – onde trabalhou durante cinco anos e já está aposentada há cinquenta -, comprou com o primeiro salário que recebeu toda a discografia dos artistas.

        Por ter o Van Grogue uma desavença com Luisa Fernanda, Célio Justinho que envolveu também o prefeito Jarbas, o vereador Fuinho Bigodudo e o deputado Tendes Trame, a vovó Bim Latem desejou, com todas as suas forças morais, poderio econômico e tráfico de influência, que o tal pingueiro fosse morar numa barrica a ser instalada em qualquer rua da cidade.

        Numa das reuniões que aconteceram ao redor da piscina de Luisa Fernanda e Célio Justinho, onde também faziam churrasco e ensaiavam as apresentações da Banda Funileiros do Havaí, a vovó teria dito sobre o futuro do Van de Oliveira:

        - Vai morar na rua entre os cães; de lá “meterá o pau” em nós e em nossas obras administrativas. Quando ouvir um sino sentirá vontade de perambular pelas vias, becos e vielas.  Esse catinguento terá muita sorte se alguém se compadecer dele e o tirar da sarjeta.

        Apesar de todo esse sortilégio lançado contra Van de Oliveira, a justiça agiu antes, tendo descoberto falcatruas imensas nas licitações da prefeitura tupinambiquense.

        Jarbas, sua mulher, Fuinho Bigodudo e até mesmo Tendes Trame, tiveram de explicar como conseguiram tamanho acúmulo de bens móveis e imóveis, com os salários modestos que recebiam.

        Para muitos a carreira política desses senhores havia chegado ao fim.

 

Leia também

O Ensaio

Clique aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:25


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D